Projeto de Lei 132
Prevê uso de pneus usados em massa asfáltica
Pronta para Pauta no Plenário
16/03/2017 11h39

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 132, do deputado Weliton Prado, que estabelece como diretriz na pavimentação de vias públicas o emprego de massa asfáltica produzida com borracha de pneus inservíveis. O projeto altera o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97).

O deputado argumenta que o uso de borracha moída de pneus inservíveis na massa asfáltica "é solução de engenharia que ganha cada vez mais reconhecimento, inclusive do ponto de vista legal".

Vantagens
Weliton Prado lembra que o estado de Minas Gerais aprovou lei que adota essa diretriz (Lei estadual 18.719/10). O deputado acrescenta que pesquisas feitas por universidades e diversos organismos públicos de transporte de todo o mundo apontam vantagens substanciais no uso desta mistura.

De acordo com os estudos citados, a utilização de pneus usados na massa asfáltica, para obras de pavimentação, apresenta as seguintes vantagens:
- reduz significativamente os problemas ambientais, ao oferecer uma solução prática para o acúmulo de pneus usados imprestáveis;
- retarda o processo de envelhecimento do asfalto, dada a presença de antioxidantes na borracha dos pneus;
- melhora a flexibilidade do asfalto, em virtude da maior concentração de materiais elásticos;
- aumenta o "ponto de amolecimento" do asfalto, o que significa maior resistência às deformações provocadas pelo trânsito intenso de veículos; e
- reduz a suscetibilidade térmica do asfalto.

COMENTÁRIOS

Paulo Mirandas Sarmento | 05/04/2011 - 22h44

Pelo lado econômico, prático, eliminando o que é considerado lixo, bem como evitando que o mosquito da dengue faça morada nos pneus gastos e abandonados, trata-se de uma ótima proposta. Quanto para o que serão destinados, cabe a decisão dos técnicos.

Comentários

Carregando notícias...
Deputado WELITON PRADO - Todos os direitos reservados © 2016