COMBATE A COVID-19
Weliton e Elismar Prado cobram instalação de leitos de UTI em Minas
Deputados querem mais leitos na região do Triângulo e Alto Paranaíba para o combate à pandemia
Foto: Ministério da Saúde
02/04/2020 12h18

Os deputados Weliton Prado e Elismar Prado cobraram do Governo do Estado e do Ministério da Saúde recursos de custeio e equipamentos para instalação de novos leitos de UTI nas cidades de Ituiutaba, Frutal, Monte Carmelo e Uberlândia para atender aos pacientes do COVID-19. Minas Gerais já ocupa quase 90% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva, conforme apontou o Ministério da Saúde, o que significa o terceiro pior índice do Brasil.

                          

Frutal tem a capacidade de instalação imediata de 10 leitos, com prédio pronto para receber as UTIs e parte dos equipamentos aguardando instalação para o início de abril. Os dados são do Consórcio Intermunicipal de Urgência e Emergência do Triangulo Sul (CISTRISUL). Os deputados cobram a habilitação urgente da cidade, que é a segunda, em Minas, com mais carência de leitos: são 181 mil pessoas sem a cobertura das unidades, imprescindíveis para o tratamento, segundo levantamento do Instituto de Estudo para Políticas de Saúde (Ieps).


Em Ituiutaba, a luta dos parlamentares pela ampliação dos leitos de UTI é antiga e já priorizaram, inclusive, emenda individual para a instalação. Contudo havia pendências na documentação relacionada com a pactuação regional, apesar das insistências e cobranças dos deputados. Devido à emergência com a pandemia, o Hospital São José confirmou que tem espaço físico para instalar 10 Unidades. O Município já conta com 14, conforme estudo da Gerência Regional de Saúde (GRS) de Ituiutaba, órgão vinculado ao Estado de Minas Gerais. Segundo a GRS, a documentação já foi aprovada. O Governo do Estado informou que já possui os equipamentos e os kits para montar as novas unidades, mas precisa direcioná-los. Apesar do avanço, o número de leitos ainda será uma preocupação, destacam os deputados.


Em Monte Carmelo, o Hospital Municipal já está equipado e tem capacidade para a criação de 10 novas UTIs, que seriam essenciais para o atendimento da população e região, faltando a habilitação.


Uberlândia tem um deficit de 800 leitos apenas no Município, isso sem contar os outros 26 municípios da região. Com o novo pronto-socorro do Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU), haveria 249 novos leitos, sendo 38 de UTI. Weliton Prado destaca que é urgente a instalação do Hospital de Campanha, bem como a liberação dos recursos para garantir celeridade da obra do novo pronto-socorro da UFU. 

 

"Estamos cobrando que o governo federal autorize leitos de instalação rápida com kits completos para ajudar no tratamento da doença. Temos que trabalhar para salvar vidas. A vida em primeiro lugar. A população já sofria sem leitos antes da pandemia e agora com os casos de coronavírus precisamos dos esforços urgentes de todos e respostas rápidas dos governos estadual e federal".

Comentários

Carregando notícias...
Deputado WELITON PRADO - Todos os direitos reservados © 2016